O que são Leads? Venha entender.

O que são Leads? Venha entender.

Se você já faz ou pretende aplicar alguma estratégia de marketing digital para promover sua empresa ou negócio, provavelmente você já cruzou com o famigerado termo “lead”. O lead hoje é o ponto forte para destinar a campanha de marketing para um público específico.

O que é um lead?


 Os leads são pessoas ou empresas propensas a serem novos cliente e disponibilizam dados através de formulários em troca de algum conteúdo ou benefício. Estes benefícios podem ser por exemplo: cursos grátis, ebook ou até um software, que será “trocado” por dados como: e-mail, telefone, nome ou qualquer outro que o dono do conteúdo definir em sua estratégia.

O que é captação de Leads?


A captação de lead se baseia em estratégias que buscam trazer novos clientes disponibilizando conteúdos que o mesmo possui interesse e em troca de informações. No caso, se você possui um blog por exemplo e encaminha conteúdos exclusivos por e-mail, todos aqueles que se interessam em receber os artigos serão os seus “leads”, e sua estratégia de disponibilizar um conteúdo exclusivo será a forma de captar leads, através do preenchimento de formulário. A captação de leads serve para que você possa direcionar seu produto ou serviço para pessoas que estão buscando aquilo que você tem a oferecer.

Quais são os tipos de lead?


MQL - Marketing Qualified Leads ou Lead Qualificado de Marketing

 São pessoas que conhecem e se interessam por seus conteúdos, porém ainda não estão aptos para se tornarem clientes. Sendo assim, ainda será necessário aproximar esses clientes para que entendam melhor sobre a sua marca e aquilo que você disponibiliza.

SQL - Sales Qualified Leads é praticamente a evolução do MQL

 É aquele cliente que já acompanha seus conteúdos e possivelmente está no caminho para se tornar o seu cliente. Para isso será necessário implantar uma estratégia para converter esse lead, com ajuda de CTAs e campanhas com foco em fundo e meio de funil.

Prospects

 São leads que possuem necessidades e problemas que se encaixam nas soluções que sua empresa tende a oferecer. Porém estes clientes podem não dar valor ou compreenderem de fato os benefícios dos seus produtos. Os leads prospects devem sair de foco no seu mapa de atividades (pipeline).

Como converter leads em clientes?


Como citamos no post anterior, cada estágio do funil de vendas exige uma estratégia significante para que se obtenha resultado naquela situação. Sendo assim, para cada tipo de lead, devemos considerar o estágio do funil de vendas que ele se encontra na ocasião. No caso do MQL, como se trata de pessoas que já te conhecem, mas não estão aptas ainda, o ideal é realizar campanhas de meio de funil, que irão falar mais sobre a sua marca e fortalecer a imagem que o lead tem sobre ela. Agora quando se trata de um SQL, devemos considerar meio e fundo de funil como estágio, para exercer campanhas mais objetivas e diretas, contribuindo para a conversão deste lead.

Como utilizar relatórios de leads?
 

Os relatórios de leads podem variar de acordo com as informações que serão absolvidas ou necessidades que serão exploradas. É importante que os relatórios sejam breves, solicitando necessariamente nome e e-mail e, dependendo de sua estratégia, pode também incluir telefone, gênero, profissão ou mesmo endereço. Não exagere para evitar que o seu lead se sinta invadido ou coagido. Assim que você tiver a captação dos dados concluída, poderá então criar uma base de clientes de acordo com a necessidade da campanha.

Exemplo: Mês do dia das mães e você deseja criar uma campanha patrocinada somente para mulheres que fazem parte da sua lista, porém essas mulheres precisam já estar mais envolvidas com sua marca (SQL), então será possível criar uma lista com leads que correspondem com estas características: o público alvo da sua campanha.

Com a captação dos dados, será muito mais simples entender sobre o público que consome o seu conteúdo e estudar táticas mais assertivas para obter o máximo de vendas com aqueles que realmente querem ou precisam do que sua empresa tem a oferecer. Fazendo com que sua estratégia seja mais focada e você não perca tempo e nem dinheiro com um público que não te trará resultados.